Fitoterapia

O termo espirulina se refere a um grande número de cianobactérias ou algas verdes. É uma excelente fonte de nutrientes, contendo mais de 70% de proteínas, vitamina E, vitaminas do complexo B, clorofila e muitos minerais. E contém mais betacaroteno do que a cenoura.
Matchá é considerado o mais puro e nobre dos chás verdes, e na versão em pó é muito mais fácil de preparar e não exige que vá ao fogo.  Além de ser saboroso pode ajudar na queima de gordura e até mesmo combater o envelhecimento precoce. Em viagem á Tailândia e Japão pude perceber o quanto o uso dessa chá verde em pó está enraizado na cultura. Eles usam o matchá em tudo! Tem bebida, sobremesa, pratos salgados, pães e sorvete.
Com a chegada da época mais quente do ano, é importante começarmos a pensar sobre a prevenção de manchas e queimaduras dadas pela maior exposição solar. Saiba que existem compostos (na dieta e em suplementos) que podem lhe ajudar. Consulte sempre seu Nutricionista e Dermatologista, e mantenha uma pele saudável e radiante!
Quem diria essa especiaria pode ajudar aos que sofrem com muita vontade de comer doces, pode fazer parte de dietas dos que buscam perder peso e perder gordura corporal.
Estudos demonstram que a Invingia gabonensis, um extrato de manga africana, foi capaz de estimular a expressão da adiponectina, um hormônio chave no metabolismo, relacionado com propriedades antiinflamatória e antidiabética, além de ser um importante modulador da sensibilidade à insulina, o que pode contribuir para a queima de gordura na região abdominal. Os autores citam alguns mecanismos nos quais a Invingia pode ser útil à saúde. Por seu alto conteúdo de fibras pode levar a uma absorção mais gradual de carboidratos, controlando mais a elevação da glicemia, e com isso, controla fome também.
No inverno podemos abusar dos chás quentes: ajudam a hidratar e dar sabor especial à dieta. No verão e outros dias mais quentes, podemos abusar da versão geladinha, com gotas de limão, e até associado com outras ervas, como cavalinha.
O chá verde é produzido a partir de um processo químico de oxidação (incorretamente chamado de fermentação) das folhas de uma planta chamada Camelia sinensis e tem sido amplamente discutido pela mídia devido as suas propriedades benéficas.
O verão está aí, e nessa época, saladas são um prato cheio no cardápio, não é? Super coloridas, refrescantes e porque não, cheias de surpresas! Aqui vão dicas para deixar sua salada com mais saúde e sabor!
Quando a maioria das pessoas ouve falar em hipertensão arterial, quase sempre imagina associado com a terceira idade. Entretanto, essa condição clínica multifatorial está cada vez mais presente em pessoas mais jovens.
A cavalinha, além de melhorar elasticidade e integridade da pele, também melhora a massa óssea e é diurética potente, aumentando filtração glomerular e excreção urinária. Lembrando que um dos problemas agravantes do aspecto “casca da laranja” é a retenção de líquido.