Em minha viagem ao Japão tive a oportunidade de comer bardana todos os dias! Essa raíz, muito comum por lá você, encontra aqui também, e na Liberdade (bairro em SP) tem de monte! Você pode fazer em casa refogadinho com shoyo (uso o macrobiótico) e gergelim, e até em forma de chá. É super leve, pobre em calorias, rica em fibras, ajuda a prevenir cálculos renais, ajuda no balanço hormonal, e possui propriedades antiinflamatórias e fungicidas.