Você está intoxicado?

06 Ago 2010

Você sabia que diversos sinais e sintomas estão associados com intoxicação do organismo?

Problemas reprodutivos, alergias, distúrbios tireoideanos, obesidade, desordens infantis, depressão, inchaço, tudo isso pode ser causa e efeito do impacto da carga tóxica total no organismo.

Pesticidas, metais tóxicos, resíduos petroquímicos, fertilizantes entre outros, agem sinergicamente sobrecarregando todo o organismo e causando (ou agravando) diversos problemas de saúde. Língua de cor branca, candidíase crônica, cansaço excessivo, enxaquecas, dores articulares, coceira anal, constipação intestinal, acne, etc são sinais de que seu corpo pode estar intoxicado, e precisa de ajuda.

A busca detalhada pelo Nutricionista de todos esses sinais e sintomas pode te auxiliar na busca de uma desintoxicação alimentar, que é qualquer processo biológico natural que busque a redução dos impactos negativos das toxinas ao metabolismo corporal.

Fígado e intestino são os órgãos centrais de todo esse processo, e será estimulado naturalmente através de alimentos (e até suplementos alimentares) para ajudar na própria limpeza e alcançar resultados satisfatórios.

Dieta de destoxificação não significa ficar à base de sucos, sopas ou aquelas dieta de único tipo de alimento por dias e dias!!! Apenas um Nutricionista poderá te prescrever uma dieta e suplementação adequados para seu caso, e que se encaixe dentro de sua rotina de vida.

Algumas dicas básicas para ajudar no processo: opte sempre por alimentos orgânicos quando puder, beba água filtrada, mantenha intestino saudável, consuma vegetais folhosos escuros e crucíferos (couve-flor, repolho, brócolis, etc.) diariamente, alho e óleo de alho encapsulado podem ajudar bastante, e  consumir ervas e condimentos, como alecrim e cúrcuma.

Os brotos de feijão, de soja e etc, são também excelentes alimentos para serem incluídos em sua dieta por possuírem valor nutricional excepcional! Podem ser consumidos em forma de saladas Ou até em sucos verdes em seu café da manhã.

Consulte sempre seu Nutricionista e busque mais qualidade de vida.

Comentários

Ainda não há comentários.

O envio de comentários está fechado.