Versão assada que faz o maior sucesso! Pode ser feito com filé de peixe, tipo pescada branca, sem espinhas. Fica uma delícia! A criançada também adora!
O feijão é um alimento rico em fibras e em ferro. Ideal para acompanhar arroz (integral, claro!), e nessa época do ano em que a noite cai um pouco a temperatura, uma sopinha de feijão cai bem, não? Lembre-se sempre deixar os feijões de molho de um dia ao outro (ou no mínimo 6 horas) antes de cozinhá-los. O fitato presente naturalmente no grão, se não extraído nesse processo de demolho, aumenta produção de gases e prejudica a absorção desse mesmo ferro!
Para sumir de vez com os caldos industrializados, prepare antecipadamente, congele em pequenas porções e use o caldo como base para sopas, para cozinhar arroz, risotos, etc. Muito mais saudável!
O gengibre (Zingiber officinale) é uma raiz fantástica e tem sido muito usada para tratar sintomas gastrointestinais por diversas culturas desde a Antiguidade. Na China, no Japão e na índia, o gengibre é utilizado tradicionalmente na prevenção e no controle de náuseas, vômitos, gases e distensão abdominal. Você sabia que é um ótimo termogênico? Sim, ajuda a otimizar a queima de gordura corporal. Largamente usado na culinária por ser um condimento com propriedades aromáticas, podendo ser usados em chás, sucos e outras bebidas e saladas. Diversos trabalhos sugerem que o gengibre possa ser eficaz no tratamento da náusea e do vômito, sintomas muito comuns em situações como gravidez, pós-operatório e enjôo de movimento (cinetose). Além disso, o gengibre possui propriedades antialérgicas, expectorante e ajuda a melhorar os sintomas da tensão pré-menstrual. Consulte sempre seu Nutricionista!
Deixe sua salada mais especial com esse molho indiano, prepare para receber os amigos ou faça algo diferente em seu final de semana! O molho vai cardamomo, que é uma especiaria muita usada na Índia, com propriedades sobre o sistema gastrointestinal, protegendo o estomago contra lesões, além de possuir ação antiinflamatória, diurética e hipotensora. O cardamomo também possui propriedade antiaterogênica: reduz ataques do organismo (pelos radicais livres, produzidos normalmente) ao colesterol “ruim”, evitando que o mesmo se modifique e passe a se depositar nas artérias, aumentando risco de doenças cardiovasculares.
Suas receitas ficarão mais nutritivas com a biomassa, que tem propriedades funcionais fantásticas!